A Bíblia fala em desigualdade?

Alguns leitores podem perguntar: a Bíblia fala mesmo em desigualdade? Este é um tema dos quais os cristãos devem se ocupar?
A resposta é sim. Para demonstrar essa verdade, certo palestrante mostrou aos seus ouvintes uma Bíblia deformada, que nem sequer parecia um livro. Dela, recortara todos os trechos que faziam referência à pobreza, à justiça, às instruções quanto ao uso de recursos e temas relacionados.
São tantos versos, de Gênesis a Apocalipse! Destacamos alguns deles abaixo. Ao longo da matéria, distribuímos frases de diferentes autores cristãos que estudaram o tema da desigualdade a partir da Bíblia.
• “Ame o Senhor teu Deus, com todo o coração, com toda a alma, com todas as forças e com toda a mente. E ame o seu próximo como você ama a você mesmo” – Lc 10,27; Dt 6,5; Lv 19,18; Mt 22,37-39; Mc 12,30-31; Gl 5,14; Tg 2,8.
• “Então olhei de novo para toda a injustiça que existe neste mundo. Vi muitos sendo explorados e maltratados. Eles choravam, mas ninguém os ajudava. Ninguém os ajudava porque os seus perseguidores tinham o poder do seu lado” – Eclesiastes 4,1.
• “Jamais confiei no ouro: ele nunca foi a base da minha segurança. Nunca me orgulhei de ter muitas riquezas, nem de ganhar muito dinheiro. Nunca permiti que as viúvas chorassem de desespero. Sempre reparti a minha comida com os órfãos. Quando via alguém morrendo de frio por falta de roupa ou notava algum pobre que não tinha com que se cobrir, eu lhe dava roupas quentes, feitas com a lã das minhas próprias ovelhas” – Jó 31,24-25; 16,20.
• “Ai de vocês que compram casas e mais casas, que se tornam donos de mais e mais terrenos! Daqui a pouco não haverá mais lugar para os outros morarem, e vocês serão os únicos moradores do país” – Is 4,8.
• “O Deus Altíssimo sabe quando são desrespeitados os direitos humanos, que ele mesmo nos deu. Sim, o Senhor sabe quando torcem a justiça num processo” – Lamentações 3,35-36.
• Em vez de praticarem a justiça, vocês praticam a injustiça, que causa amargura, e não respeitam os direitos dos outros” – Amós, 5-7.
• “O irmão que é pobre deve ficar contente quando Deus faz com que melhore de vida e quem é rico deve sentir o mesmo quando Deus faz que piore de vida” – Tg 1,9-10.
• “Se alguém é rico e vê seu irmão passando necessidade, mas fecha o seu coração para essa pessoa, como pode afirmar que, de fato, ama a Deus?” – 1Jo 3,17.
• “Agora a morada de Deus está entre os seres humanos! Deus vai morar com eles, e eles serão os povos dele. O próprio Deus estará com eles e será o Deus deles. Ele enxugará dos olhos deles todas as lágrimas. Não haverá mais morte, nem tristeza, nem choro, nem dor. As coisas velhas já passaram” – Ap 21,3-4.
“Os verdadeiramente pobres são os que foram privados da capacidade de fazer escolhas por si mesmo – a escolha de ter água pura e limpa, a escolha de receber educação, a escolha de estar livre da violência, a escolha de ter assistência médica e mais. Estes são os pobres que estão no coração de Deus e deveriam estar no nosso”. James Catford e Rudi Zimmer.

Fonte: Revista Ultimato – Edição de Março/abril de 2020.